Os teus seios...

... meu amor...
não são teus, são meus...

Sei neste desespero
que a vida sou eu e não tu

mas quando me levanto
estou tão só
que nem espelhos me falam

são tardes
manhãs
noites dias
meses que passam pelas semanas

sem esse amor desconheço
o que e viver...

e afinal nada tenho porque
sou de novo o eterno silêncio...

Comentários

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

olhar