O paraíso na terra...

Acordo e está um dia chuvoso com um sol radiante... corre uma brisa ténue mas esforçada o frio não se nota propriamente nos ossos é mais uma sensação desvalida...

Decretei o fim das guerras, ódios, jogos de poder e de todas as regras!
Neste momento todos os seres são livres de viver a vida como quiserem tendo como único pedido formal viverem-na em ordem ao seu bem maior e ao bem comum, numa lógica de  AMOR INCONDICIONAL!
Existe abrigo confortável, água e alimentos gratuitos. Os governantes exercem de acordo com a vontade da maioria...  o dinheiro está num limbo deixa de existir ou é distribuído de igual forma para todos, uma forma de comunismo muito apreciada por toda a comunidade...
É um povo alegre, amante de todas as formas de arte e apaixonado, sendo que a paixão é sublime porque totalmente duradoura... a natureza e o cosmos são olhados como irmãos... a escola é um lugar onde todos os habitantes podem ir para aprender algo que lhes encha o coração...
As religiões tomam consciência que o primado delas é ensinar o amor incondicional, o não julgamento e a meditação como forma de ligação maior entre todas as coisas... porque somos Um! [...com "deus"]
os jogos são alegres e as pessoas amam tanto a derrota como a vitória porque sabem que o resultado é sempre justo...
As doenças deixaram de existir e as manifestações de desconforto são tratadas com música, meditação, massagens e muito riso e presença de outros curadores...
Os tribunais foram fechados porque as pessoas sabem negociar e são justas no seu coração... as prisões são escolas de integração acelerada de pessoas... desconectadas... existem lá psicólogos, pedagogos, mestres e orientadores humanos! O crime é absolutamente residual... não existem armas letais...
A energia é gratuita e não poluente... existem imensos lugares onde a fauna e a flora se desenvolvem harmoniosamente e todos podem ir lá visitar...
O amor rege-se pela subtil sabedoria do bem estar e da alegria!

Somos felizes!

Novo Mundo!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

olhar