Postagens

Mostrando postagens de Agosto, 2015

olhar

nesta sinfonia perdida de amores
por ti, pelos teus beijos e carícias
descubro o que é a vida por ti
sem fome nem sede des sedento-me olhando-te
nua perfumada
de olhos suaves e doces

o êxtase és tu, bastas-me